OP ART

Op Art é um movimento artístico também chamado de Arte Óptica, ou optical art em inglês. Suas obras são baseadas em ilusões de óptica, um recurso visual que confunde a visão humana, fazendo ver formas diferentes dependendo do ângulo em que se vê a imagem em questão.

d0ca-op-art

A Op Art usa da ilusão de óptica para criar movimento nas obras, com grafismos e estampas que variam conforme os olhos humanos percorrem a figura.

A origem do nome Op Art vem de 1964, em uma publicação da Revista Time. Depois houve a primeira exibição oficial do movimento Op Art em Nova York, em 1965, no MOMA, o Museu de Arte Moderna, e chamava The Responsive Eye.

A Op Art tinha como fundamento a frase “menos expressão e mais visualização”, com o objetivo de expressar possibilidades ilimitadas de transformações no mundo.

Entre suas características estão os efeitos ópticos e visuais que trazem o observador para dentro do quadro, compondo o movimento da obra com seus olhos. Também estão os trabalhos em três dimensões, exploração do contraste entre o preto e o branco, e as formas geométricas. A vertente artística segue referências do expressionismo abstrato.

Principais Artistas da Op Art

Victor Vasarely

Vega-Nor

O pintor Victor Vasarely, nascido na Hungria, teria sido o precursor da Op Art, ainda na década de 30, embora o ápice do movimento tenha sido em 1960. Algumas das suas obras de maior destaque são Zebra, de 1938, e Vega-Nor, de 1969 (figura).

Bridget Riley

Movement in Squares

A pintora inglesa migrou do impressionismo e pontilhismo para a Op Art na década de 1960, conquistada pelas linhas e formas geométricas e pelo efeito desorientador criado. Na figura, a obra Movement in Squares, de 1961.

Alexander Calder

Lobster Trap and Fish Tail

Alexander Calder, mais conhecido por Sandy Calder, é um pintor norte-americano. Seus registros artísticos mais marcantes foram os móbiles, que compunham o efeito da obra de arte a partir do movimento de formas geométricas e o ar. Na foto, seu móbile Lobster Trap and Fish Tail, de 1939.

Op Art no Brasil

O principal representante da Op Art no Brasil foi o pintor Luiz Sacilotto, que também foi responsável por disseminar a arte concreta no país. Sacilotto foi pintor e escultor e tem como principais obras Estruturação com Elementos Iguais, de 1953, e Concreção 7553, de 1975 (figura).

Concreção 7553


Até mais!

Benhur Teixeira

Equipe Tête-à-Tête

Deixe uma resposta