O pós-impressionismo, também chamado de neoimpressionismo, foi um movimento artístico que conjugou o impressionismo com outros estilos. Desenvolveu-se, principalmente na Europa, entre o final do século XIX e começo do XX.

Vale lembrar que os artistas pós-impressionistas não seguiram um padrão artístico uniforme e coeso comum, como ocorreu em muitos movimentos artísticos.

Características principais do pós-impressionismo:

– Ultrapassou as tendências artísticas do impressionismo.

– Utilização de cores vivas.

– Retratação de temas da vida real.

– Visão subjetiva do mundo.

– Uso da técnica do pontilhismo por alguns pintores pós-impressionistas, entre eles Paul Signac e Georges Seurat.

– Tendência de experimentação da força da imagem, o contorno de segurança e a liberdade de cor.


Principais artistas pós-impressionistas

– Paul Gauguin

– Toulose-Lautrec

– Vincent Van Gogh

– Georges Seurat

– Paul Cézanne

– Henri Rousseau

– Paul Signac

– Marius Borgeaud

– Théo van Rysselberghe

– René Schützenberger

– Charles Angrand

– Paul Sérusier

– Maximilien Luce


Exemplos de obras pós-impressionistas:

– Jogadores de Cartas de Paul Cézanne

– Veneza – Claude Monet

– Au Moulin Rouge de Toulouse-Lautrec

Obra pós-impressionista de Georges Seurat

– Um Domingo de verão na Grande Jatte de Georges Seurat

– O Circo de Georges Seurat

– A entrada do Porto de Marselha de Paul Signac

Café Noturno, pintura pós-impressionista de Van Gogh

– Café noturno de Van Gogh

– O Cristo amarelo de Paul Gauguin



Crédito: Jefferson Evandro Machado Ramos
Graduado em História pela Universidade de São Paulo – USP (1994).


Até mais!

Equipe Tête-à-Tête