É difícil escolher apenas uma tela do pintor espanhol Salvador Dalí. Ficamos com a mais icônica delas, A persistência da memória, criada em 1931. A pintura a óleo é o símbolo do surrealismo e mede cerca de 24 cm × 33 cm. Atualmente se encontra no MoMA, em Nova Iorque.

A persistencia da memoria

O quadro foi pintado em apenas algumas horas, enquanto a mulher de Dalí e alguns amigos se divertiam no cinema. A tela consagrou os relógios derretidos e as formigas, ícones do pintor.


Até mais!

Equipe Tête-à-Tête