O quadro pertence à série Constelação, que reúne vinte e quatro desenhos feitos num período muito curioso da vida de Miró. O artista estava vivendo uma crise pessoal na França entre 1936 e 1940, num momento histórico marcado pela Guerra Civil Espanhola e pela Segunda Guerra Mundial.

O Belo Pássaro Decifrando O Desconhecido A Um Casal De Amantes

Entre 1940 e 1941 Miró foi para Palma de Maiorca onde fez as 13 obras finais da Constelação. Para fugir dos acontecimentos trágicos, Miró se refugiou nos trabalhosos desenhos, repletos de detalhes, que faziam alusão a elementos da natureza.

Encontramos aqui elementos clássicos da sua pintura como as formas abstratas, um espírito que remonta à brincadeira e ao universo onírico, porém de forma muito mais saturada na tela.

Joan Miró faleceu no dia 25 de dezembro de 1983 em Palma de Maiorca, na Espanha.


Até mais!

Equipe Tête-à-Tête