Paranauê é uma expressão de origem tupi, utilizada para fazer reverência aos grandes rios. Na língua tupi, paraná significa “semelhante ao mar” e auê é uma espécie de saudação. É uma expressão que passou a ser relacionada com a prática da capoeira, onde a expressão “paranauê” pode ser atribuída a pessoa que domina esta arte, cujos movimentos do corpo se assemelham aos movimentos do mar.

Por esta razão, a cantiga mais famosa das rodas de capoeira, “Paranauê”, utiliza este refrão como uma forma de saudação:

Oiá iá iá ía

Foge o nêgo sinhá (Coro)

Oiá iá iá ía,

Traz o nêgo sinhá (Coro)

Oiá iá iá ía

Foge o nêgo sinhá (Coro)

Oiá iá iá ía

Traz o nêgo sinhá (Coro)

Oiá iá iá ía

Foge o nêgo sinhá (Coro)

Oiá iá iá ía

Traz o nêgo sinhá (Coro)

Paranauê (Coro), paranauê paraná

Paranauê (Coro), paranauê paraná

Paranauê (Coro), paranauê paraná

A expressão também pode ser utilizada em forma de gíria, de maneira metafórica, quando se diz que alguém entende bem de um determinado assunto ou sabe muito sobre alguma coisa.

Exemplo: “Denis estudou bastante. Ele manja dos paranauês deste assunto”.


Até mais!

Equipe Tête-à-Tête