Série de batalhas no âmbito da Guerra do Paraguai infligidas pela Tríplice Aliança (Brasil, Argentina e Uruguai) contra o exército de Solano López, ditador do Paraguai, em dezembro de 1868.



A Dezembrada é composta pelas seguinte batalhas:


– de Itororó, em 6 de dezembro;

– do Avaí, em 11 de dezembro;

– de Lomas Valentinas, entre 21 e 27 de dezembro.


Em Lomas Valentinas, o comandante brasileiro Luís Alves de Lima e Silva (Duque de Caxias) destruiu o exército do Paraguai, deixando apenas a defesa de Assunção e o exército de 450 homens de Solano Lopez.

Batalha de Lomas Valentinas
Lomas Valentinas: batalha vencida pela Tríplice Aliança ocorreu na região central do Paraguai entre 21 e 27 de dezembro de 1868.

Desfecho


Em 24 de dezembro, os três novos comandantes da Tríplice Aliança intimaram Solano López para que se rendesse. Ele se recusou a isso e fugiu para o norte, na direção da cordilheira, chegando a Cerro León. A rendição se deu em Angostura em 30 de dezembro. Caxias dirigiu-se então para Assunção, evacuada pelos paraguaios e ocupada em 1º de janeiro de 1869 pelas tropas imperiais brasileiras. No dia 5, Caxias entrou na cidade com o restante do exército e, treze dias depois, deixou o comando e regressou ao Brasil.

Testemunhas da História: novos documentos digitalizados sobre a Guerra do  Paraguai - História Hoje
Batalha de Avaí durante a Dezembrada na Guerra do Paraguai.

Créditos: Jefferson Evandro Machado Ramos – Graduado em História pela Universidade de São Paulo – USP.


Até mais!

Equipe Tête-à-Tête