Gilberto de Mello Freyre foi um sociólogo, escritor, antropólogo, ensaísta e historiador brasileiro do século XX. Sua principal obra foi Casa-Grande & Senzala, publicada em 1933.


Biografia resumida:

– Gilberto Freyre nasceu na cidade de Recife (Pernambuco), em 15 de março de 1900.

– Com dezoito anos foi estudar Artes Liberais (curso multidisciplinar) na Universidade Baylor no Texas (EUA). Depois foi estudar na Universidade de Colúmbia (Nova Iorque), instituição onde fez pós-graduação. Em 1922, publicou seu trabalho de mestrado Vida social no Brasil nos meados do século XIX.

– No começo da década de 1920, trabalhou como jornalista no jornal Diário de Pernambuco.

– Na década de 1930, trabalhou como professor de Sociologia na Universidade do Distrito Federal.

– Em 1933, foi publicada sua grande obra Casa-Grande & Senzala, que é considerada, por muitos historiadores e sociólogos, um dos melhores livros sobre a História e a sociedade do Brasil Colonial. Além do patriarcalismo, Freyre analisou a miscigenação, que formou o povo brasileiro, entre portugueses, índios e escravos negros. Nesse contexto, fez uma abrangente análise do multiculturalismo e também da arquitetura e suas relações com as diferenças sociais no Brasil colonial.

– Em 1945, foi eleito constituinte para a elaboração de uma nova Constituição do Brasil, que foi promulgada em 1946.

– Em 1963, recebeu o Prêmio Machado de Assis, principal prêmio da Literatura Brasileira (concedido pela ABL – Academia Brasileira de Letras).

– Recebeu o prêmio Jabuti de Literatura nos anos de 1970, 1973 e 1980.

– Faleceu, aos 87 anos, em 18 de julho de 1987, em Recife. A causa de sua morte foi uma isquemia cerebral.


Principais obras de Gilberto Freyre:

– Casa-Grande & Senzala -1933

– Guia Prático, Histórico e Sentimental da Cidade do Recife -1934

– Sobrados e Mucambos – 1936

– Nordeste: Aspectos da Influência da Cana Sobre a Vida e a Paisagem – 1937

– Açúcar -1939

– Olinda -1939

– O mundo que o português criou -1940

– Um engenheiro francês no Brasil -1940

– Região e Tradição – 1941

– Ingleses -1942

– Problemas brasileiros de antropologia -1943

– Sociologia -1945

– Interpretação do Brasil -1947

– Ingleses no Brasil -1948

– Ordem e Progresso -1959

– O Recife sim, Recife não -1960

– Vida, Forma e Cor – 1962

– Os escravos nos anúncios de jornais brasileiros do século XIX -1963

– Vida social no Brasil nos meados do século XIX -1964 (tese de mestrado)

– Brasis, Brasil e Brasília -1968

– O brasileiro entre os outros hispanos -1975

– Homens, engenharias e rumos sociais – 1987

Capa antiga do livro Casa Grande & Senzala de Gilberto Freyre
Capa antiga do livro Casa Grande & Senzala: principal obra de Gilberto Freyre e um clássico da historiografia brasileira.

Créditos: Jefferson Evandro Machado Ramos – Graduado em História pela Universidade de São Paulo – USP.


Até mais!

Equipe Tête-à-Tête