A alamanda é uma trepadeira arbustiva que traz beleza para caramanchões, pergolados, muros, portões, além de sombra natural e até segurança para os terrenos quando usados como cercas vivas. No entanto, alguns cuidados devem ser levados em conta durante seu cultivo e manutenção devido sua toxicidade.

Por isso, se você deseja renovar a paisagem da sua área externa com a planta alamanda, mas ainda está em dúvidas sobre as características e os cuidados necessários que devem ser levados em conta, atente-se aos próximos tópicos. Neste post, vamos compartilhar diversas informações importantes sobre essa espécie. Confira!

A alamanda e nativa do Brasil. Fonte: Paisagismo Ouro Verde

A alamanda e nativa do Brasil. Fonte: Paisagismo Ouro Verde


Alamanda: significado e características da sua flor

Nativa do Brasil, a alamanda, também conhecida como dedal-de-dama, dedal-de-princesa e orélia, se trata de uma planta trepadeira arbustiva, de ramos longos, flexíveis e pesados. Não é à toa que durante o seu crescimento, os ramos precisam de apoio e condução e, portanto, devem ser amarrados em arames, ganchos e demais suportes.

A flexibilidade dos seus ramos faz com que a planta alamanda seja muito usada na decoração de fachadas, caramanchões, muros, portões e pergolados de concreto, madeira e ferro.

Suas folhas são verdes e longas e as flores (amarela, rosa, roxa, vermelha, branca…), de cinco pétalas, apresentam formato de trompete, medindo cerca entre 7 e 12 centímetros. A alamanda é uma planta resistente e floresce o ano todo, especialmente nos meses de quentes.

Afinal, o que significa a palavra alamanda? Alamanda é uma flor cujo significado é “amor sagrado”. A flor alamanda está associada a alegria, amor fraterno, harmonia familiar, tornando-se ótima para levantar o astral de um ambiente.

A planta alamanda é muito utilizada no paisagismo no Brasil. Fonte: ConstruindoDECOR

A planta alamanda branca é muito utilizada no paisagismo no Brasil.

Fonte: ConstruindoDECOR


Qual a toxicidade da alamanda?

A alamanda apresenta toxicidade em todas as suas partes. A planta alamanda é composta por um látex venenoso a ponto de impedir o ataque de pulgões e cochonilhas no jardim. Quando em contato com o ser humano, sua toxicidade é tão alta que o simples contato da planta com o corpo pode causar dermatites e demais irritação oculares. Além disso, suas folhas e caules se ingeridos podem causar cólicas, náuseas, vômitos e diarreia.

A alamanda amarela trepadeira delimita a área do terreno. Fonte: ConstruindoDecor

A alamanda amarela trepadeira delimita a área do terreno. Fonte: ConstruindoDecor


Quais as cores da flor alamanda?

A alamanda traz beleza para caramanchões, pergolados, muros, portões, além de sombra natural e até segurança para os terrenos quando usados como cercas vivas. Sua folhagem densa na cor verde-bandeira contrasta com o colorido de suas flores. Na natureza a flor alamanda amarela é uma das mais comuns, mas existem também flor alamanda de outras cores, como a alamanda rosa, alamanda roxa, alamanda branca e alamanda vermelha.

Cultive alamanda vermelha no seu jardim. Fonte: Guia das Suculentas

Cultive alamanda vermelha no seu jardim.

Continua…

Fonte:vivadecora/Nathalia Inson


Até mais!

Equipe Tête-à-Tête