Esta pintura é notável pela disjunção de perspectiva, como se os dois lados da pintura fossem completos utilizando dois pontos de vista diferentes. O lado direito da mesa não é tão plano quanto o lado esquerdo, no qual Cezanne utilizou um método estilizado para incorporar os diferentes pontos de vista em uma impressionante natureza-morta. Foi essa técnica que tornou possível a ligação entre o impressionismo e o cubismo, o qual empregava perspectiva variada e ângulos variados para descrever objetos. Como tal, esta natureza-morta é um exemplo de como Cezanne tentou lidar com as complexidades da percepção visual.

 Post-Impressionism – 62 x 79 cm – Art Institute of Chicago

Fonte:wikiart


Até mais!

Equipe Tête-à-Tête